Capa » Relatórios » Unesco realiza conferência sobre alfabetização de jovens e adultos

Unesco realiza conferência sobre alfabetização de jovens e adultos

EJA_Matinhos-PRComeçou hoje, dia 10, e segue até sábado, dia 13, na Cidade do México, a Conferência da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) sobre a alfabetização na América Latina e no Caribe. A alfabetização para todos e a educação dos adultos na região será o tema central. Na segunda-feira (8), foi celebrado o Dia Internacional da Alfabetização, com o lema “A alfabetização é o melhor remédio”.

A reunião, organizada pelo Instituto Nacional para a Educação dos Adultos (INEA), vai contar com a presença de ministros da educação e representantes de outras instâncias governamentais, organismos multilaterais, organizações não-governamentais regionais, especialistas e outros interlocutores do setor privado, do mundo acadêmico e da imprensa.

Sob o tema “Da alfabetização à aprendizagem ao longo de toda a vida: em direção aos desafios do século XXI”, a conferência é uma das cinco reuniões regionais da Unesco em preparação à VI Conferência Internacional sobre Educação de Adultos (Confintea VI), que será realizada em maio de 2009 no Brasil. O evento também é a última da série de Conferências de apoio à alfabetização no mundo, organizadas em âmbito regional pela Unesco em 2007 e 2008.

Na edição de 2008 do Relatório de Seguimento da Educação para Todos no Mundo, a taxa de alfabetização de adultos na América Latina alcança 91%; no Caribe chega a 74%. Isso significa que quase 39 milhões de adultos da região não possuem competências na leitura e na escrita necessárias para satisfazer as exigências impostas pela vida diária e no trabalho, nem para adquirir a aprendizagem permanente que é imposta pelas sociedades do conhecimento atuais.

Segundo as estatísticas, cerca de 110 milhões de jovens da região não finalizam seus estudos primários. Além disso, a previsão é que alguns dos países da região não consigam alcançar os objetivos da Educação para Todos relativos à aprendizagem dos jovens e dos adultos até o ano limite de 2015.

Na conferência, os participantes vão refletir sobre a situação atual e as questões relacionadas à alfabetização de jovens e adultos, desde a aquisição de competências elementares na leitura, escrita e cálculo, até a aprendizagem global ao longo de toda a vida. Haverá debates sobre os novos desafios, as demandas crescentes, as mudanças constantes e a crescente complexidade das sociedades do conhecimento emergentes. Será elaborada uma perspectiva regional sobre os temas e desafios atuais mais importantes, com proposição de estratégias e recomendações para o futuro.

Durante o encontro, será examinado e aprovado um informe regional, elaborado a partir do relatório nacional de 33 países. Esse panorama regional será apresentado na Conferencia mundial de 2009. Estão programadas quatro mesas-redondas sobre temas-chave para a região: políticas, estratégias, financiamento, seguimento e avaliação da alfabetização e educação para jovens e adultos; Custos da alfabetização; Avaliação e medição da alfabetização e educação para jovens e adultos; e Alfabetização e educação para jovens e adultos em contextos multiculturais e plurilíngües.

Para visualizar Educação e aprendizagem para todos: olhares dos cinco continentes, clique aqui.

Fonte: Agência de Informação Frei Tito para América Latina – ADITAL

 

Alguns países da AL não devem alcançar os objetivos da Educação para Todos relativos à aprendizagem dos jovens e dos adultos até 2015

Revisão

Avalie: Seja o primeiro a avaliar
0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*