Capa » Relatórios » Informe Regional sobre Desarrollo Humano para América Latina y el Caribe 2010

Informe Regional sobre Desarrollo Humano para América Latina y el Caribe 2010

desarrolo_AL_CaribePNUD. Informe Regional sobre Desarrollo Humano para América Latina y el Caribe 2010: actuar sobre el futuro – romper la transmisión intergeneracional de la desigualdad. Costa Rica: 2010. 210 p. [em espanhol]

Como podemos romper o círculo vicioso da desigualdade na região? Que políticas pública podem ser desenhadas para evitar que a desigualdade seja transmitida de geração em geração?

Este primeiro Relatório Regional de Desenvolvimento Humano para a América Latina e Caribe 2010 (em espanhol) propõe respostas a essas perguntas e supõe uma convocatória para atuarmos hoje, pelo futuro.

O diagnóstico: Na América Latina e no Caribe a desigualdade é alta, persistente e se reproduz em um contexto de baixa mobilidade socioeconômica.

As causas: Existem mecanismos tanto nos contextos regionais como no sistema político que reforçam a reprodução da desigualdade.

A recomendação: elaborar e aplicar políticas públicas com alcance (que chegue a quem precisa), com amplitude (que contemplem o conjunto de restrições que perpetuam a pobreza e a desigualdade) e com apropriação (as pessoas devem se sentir e serem, de fato, agentes de seu próprio desenvolvimento).

A mensagem: sim, é possível romper com a transmissão intergeracional da desigualdade na região

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) sustenta que a igualdade tem sua importância a um espaço de liberdade efetiva, de implicação de opções de vida realmente disponíveis para que todos possamos fazer nossas escolhas com autonomia.

Outras informações: www.idhalc-actuarsobreelfuturo.org

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*